Dieta da proteína para ganhar músculos


Precisando perder uns quilinhos urgente para ficar linda e arrasar em algum vestido? Bem, se por esse ou outro motivo, estiver precisando mandar pra bem longe aquelas gordurinhas que estão lhe incomodando, a dica, então, é apostar na Dieta das Proteínas!

DIETA DA PROTEÍNA

A Dieta da proteína

Para quem não sabe, a Dieta das Proteínas é baseada na Dieta de Atkins e já virou sensação entre quem quer perder peso de uma maneira rápida e simples, sendo focada no consumo de proteínas, por outro lado, diminuindo o de carboidratos, sendo uma aliada e tanto para quem precisa eliminar aqueles malditos pneuzinhos e ainda dar uma turbinada nos músculos, e o melhor é que isso tudo, sem precisar passar fome.

Portanto, pode apostar em frango, peixe e ovos, que são proteínas magras e favorecem a sensação de saciedade, porque os alimentos proteicos  demoram mais tempo para serem digeridos e absorvidos pelo organismo, prolongando, assim, a sensação de saciedade e diminuindo a vontade de comer doces, e por demorar a digerir os alimentos, o organismo passa a usar a gordura para produzir energia e, dessa forma, emagrecer, sem falar que além disso, a Dieta das Proteínas garante uma silhueta mais firme e definida.

dieta da proteína com peixe

Vale ressaltar, no entanto, que apesar da Dieta priorizar as proteínas, os carboidratos não devem ser excluídos completamente da alimentação, pois sua ausência pode causar cansaço, indisposição e pode até fazer com que você recupere os quilos perdidos no fim do programa alimentar, por isso, em vez de cortá-los, opte apenas por incluí-los em suas versões integrais e em grãos.

Sendo assim, quem deseja uma barriga chapada, deve consumir apenas proteínas magras, como peixes, aves, queijos brancos, ovos e leguminosas, e tentar combiná-las com carboidratos integrais e gordura saudável.

Uma curiosidade é que, na verdade, a dieta das proteínas, primeiramente, foi pensada nas pessoas que queriam ganhar massa muscular, ou mesmo, fazer a manutenção diária de seus músculos, no entanto, com o tempo se descobriu que este tipo de dieta acaba também emagrecendo, sendo agora muito mais usada com essa finalidade.

Como já deu para perceber, a Dieta das Proteínas é bem fácil de seguir, por isso é bem popular, além de emagrecer sem grandes sacrifícios, a dieta é rica em proteínas resultando em um corpo sequinho e curvas acentuadas, turbinando os músculos e acelerando o metabolismo e, por isso, queimando mais calorias.

 

O cardápio da Dieta da Proteína

cardápio dieta da proteína

 

Para que a Dieta das Proteínas tenha uma bom resultado, é preciso que o cardápio de um dia tenha cerca de 1000 calorias, por isso, por ser tão pouco calórica, é importante que seja seguido por, no máximo, uma semana. Caso queira continuar com a dieta por mais alguns dias, é aconselhável, então, aumentar as porções de carboidratos.

Vale mencionar que, segundo um estudo publicado no British Journal of Nutrition, consumir proteínas no café da manhã multiplica em até cinco vezes a sensação de saciedade ao longo do dia.

Dicas de cardápio da Dieta da Proteína

Café da manhã: ovos, chá mate, bacon, salsicha, presunto, requeijão,aveia, salame,iogurte natural, sucos naturais…

Lanche da manhã: barra de cereal, iogurte, banana, castanha de caju…

almoço: carne vermelha, peixe ou atum.frango sem pele, lingüiça, carne de porco, ovo, couve-flor, alface, brócolis…

Lanche da tarde: os mesmos itens do lanche da manhã…

 Jantar: Basicamente os mesmos alimentos do almoço mais alguns nutricionistas recomentam a pegar leve nas carnes e bacon, e, se puder, acrescentar uma salada ao seu jantar.

Vantagens da dieta da proteína

  • Ao ingerir mais proteína, o corpo tende a queimar mais energia, pois a proteína tem o efeito térmico da alimentação;
  • As proteínas têm um alto valor de saciedade;
  • Perda de peso de forma mais rápida e sem grandes sacrifícios;
  • Músculos são beneficiados.

Desvantagens da dieta da proteína

  • É preciso se hidratar muito bem, pois há o risco de desidratação já que se consome grandes quantidades de proteína;
  • Não é indicada para quem tem problemas nos rins;
  • Pode causar dores de cabeça, náuseas, fraqueza, tontura;
  • Por priorizar carnes e proteínas em geral, muita gente se queixa de acabar sofrendo de mau hálito.

Alimentos ricos em proteínas magras: Frango;Feijão;Peixe, atum e salmão e outros frutos do mar; Queijo cottage, requeijão e laticínios com pouca gordura; Carne de vermelha sem gordura; Proteína em pó de soro de leite; clara de ovo.

Frutas que podem ser comidas durante a dieta de proteína: Morango; Melancia;

Banana; Laranja; Figo; Damasco…

Alimentos proibidos durante a dieta de proteína: Água de Coco; Refrigerantes; Arroz; Macarrão; Mandioca; Pão; Milho; Bolachas; Bolos; Batata; Doces ou balas.

DICAS

– Por conter grandes quantidades de vitaminas A, C e K, bem como sais minerais tais como cálcio e magnésio, os legumes são complementos perfeitos para uma dieta rica em proteínas, porque eles, naturalmente, ajudam a construir músculos e queimar gordura.