Qual a frequência para lavar cabelo


As mulheres sempre procuram deixar seus cabelos com brilho e maciez, mas será que só o tipo de shampoo e hidratação que devemos se preocupar para alcançar um bom resultado para os fios? Um ponto essencial para manter os cabelos saudáveis, que a maioria das mulheres não se preocupam é a frequência ideal de higienização dos fios. Qual será o intervalo certo para lavar os cabelos, para os fios permanecer macios e brilhosos? Veja a seguir qual a frequência certa para lavar cada tipo de cabelo!

Por que o cabelo fica com aparência de sujo?

As glândulas sebáceas, estruturas existentes em todos os mamíferos, se encontram em todo o corpo exceto nas palmas das mãos e plantas dos pés, especialmente no couro cabeludo e face. Elas são responsáveis pela secreção de uma substância bastante oleosa o sebo que é muito útil para proteger e impermeabilizar a pele e os cabelos.

O sebo é composto por células especiais, que absorvem gordura existente em nosso corpo e a transporta às glândulas sebáceas, que então a expele através dos folículos capilares. Sem ele, a pele e os cabelos poderiam se ressecar e escamar de forma prematura. No entanto, deixar que essa substância se acumule, apesar de poder provocar problemas de pele, como a acne, por exemplo, também se traduz em falta de higiene, especialmente para a cultura ocidental moderna.

Qual a frequência para lavar o cabelo?

Cabelos oleosos

A oleosidade excessiva deixa os fios bastante gordurosos, pesados e sem volume. É normal que, no final do dia, eles fiquem com a aparência de sujos. a maioria das mulheres acham que não pode lavar a cabeça todos os dias, mas isso é um mito: Não faz mal lavar todos os dias. O couro cabeludo não apodrece, como algumas pessoas acham. Por outro lado, a certeza de que água quente ativa a oleosidade está correta. O ideal é lavar o cabelo em uma temperatura um pouco mais fria, mas não é necessário sofrer batendo os dentes embaixo do chuveiro.
Qual a frequência para lavar cabelo

Na hora que você for escolher o shampoo, não basta uma embalagem bonita. Procure no rótulo por ativos que controlem o sebo excessivo, caso dos extratos vegetais de alecrim e de bardana, assim como do óleo essencial de melaleuca alternifólia, conhecida como Tea Tree. E a frequência de lavagem é livre: uma vez por dia ou sempre que sentir necessidade. Para finalizar, use condicionador só nas pontas ou leave in.

Cabelos ressecados precisam de intervalos e hidratação

Os fios mais secos suportam intervalos maiores sem serem lavados, entre um e dois dias, e devem focar em produtos hidratantes. Além de suportar mais tempo entre uma lavagem e outra, é necessário higienizá-los pelo menos duas vezes na semana, para que ele não aglomerem resíduos dos produtos.

Cabelos normais

Em geral, os cabelos normais são bastante macios, fáceis de pentear e menos sujeitos a ressecamento. Isso se deve ao equilíbrio da oleosidade do couro cabeludo. Opte por shampoo balanceados ou neutros. A lavagem pode acontecer em dias alternados segundo a necessidade de cada um. Já o condicionador deve ser utilizado no comprimento e nas pontas, evitando sempre a raiz. Se, possivelmente, os fios estiverem mais secos nas pontas, é bom aplicar uma máscara embaixo do chuveiro, mas somente uma vez por semana ou quando sentir necessidade. Na hora de secar, algumas gotinhas de reparador de pontas fazem milagres e protegem.